Tudo sobre KPIs: o que são e como medir

Tudo sobre KPIs: o que são e como medir

KPIs (Key Performance Indicators) são indicadores-chave de desempenho observados pelas empresas. Em outras palavras: medem o valor quantitativo básico de seus principais processos internos.

Eles são uma parte essencial da estratégia de gestão de qualquer empresa e podem monitorar e gerenciar melhor o nível de desempenho e o sucesso da estratégia.

Por meio de KPIs, as empresas podem compreender cada número e traçar metas razoáveis ​​e alcançáveis.

Por exemplo, se o CAC (Custo de Aquisição do Cliente) de uma organização for alto, os gerentes saberão que devem prestar mais atenção aos processos das áreas de marketing e vendas. Se a taxa de retenção for baixa, você precisará seguir as etapas de atendimento ao cliente.

As métricas devem ser divididas em vários níveis: mais gerais e estratégicos para todo o negócio, e mais específico, envolvendo áreas específicas ou detalhes operacionais.

Métricas gerais (exemplos):

  • Taxa de Churn;
  • MRR (Receita Mensal Recorrente);
  • Fluxo de Caixa.

Métricas específicas (exemplos):

  • Custo por Lead;
  • Taxas de conversão.

Existem ainda diversas categorias de indicadores, como veremos a seguir.

Diferentes categorias de KPIs

Como as possibilidades de análise são tão grandes, as empresas devem ter em mente os elementos básicos (ou elementos-chave) de seus negócios. A seguir estão algumas das principais categorias de KPI:

Indicadores de produtividade

São ferramentas continuamente utilizadas na gestão empresarial para avaliar o desempenho e a eficiência dos processos da empresa. Em suma, são usados ​​para medir a quantidade de recursos que uma empresa utiliza para produzir um determinado produto e / ou serviço.

Indicadores de qualidade

Eles seguem indicadores de produtividade, pois auxiliam na análise de eventuais imprevistos ou erros que ocorram durante o processo produtivo.

Indicadores de capacidade

Eles analisam a capacidade de resposta do processo por meio da relação entre as saídas produzidas por unidade de tempo. Aliados à produtividade e qualidade, demonstram a competitividade da empresa.

Indicadores estratégicos

KPIs estratégicos fornecem informações sobre como a empresa está operando de acordo com os objetivos previamente definidos. Eles fornecem uma comparação entre os cenários atual e esperado da empresa. Em outras palavras, eles medem a "posição" das coisas.

Entenda a diferença entre KPIs e métricas

Antes de prosseguirmos, é melhor discutir a diferença especulativa entre KPIs e indicadores. Isso realmente existe? A resposta é sim! Os principais indicadores de desempenho são diferentes dos indicadores. No entanto, os indicadores podem se tornar indicadores-chave de desempenho.

KPIs são os critérios básicos para seus objetivos e progresso de negócios. Os indicadores são apenas coisas a serem quantificadas. Se esse indicador provar ser a chave para sua estratégia geral, ele se tornará um KPI.

Pergunte-se: os indicadores ajudam a tomar decisões dentro da empresa e / ou orientam você a atingir seus objetivos? Nesse caso, pode ser considerado um indicador de desempenho. Do contrário, não significa que precise ser descartado: pode continuar a ser um indicador, gerando relatórios e bons insights.

Por que se guiar pelos KPIs para definir o que ajustar nas estratégias?

Se você não sabe para onde ir, que caminho escolher? Se o objetivo principal da sua empresa é aumentar o número de oportunidades passadas para as vendas, é necessário olhar atentamente para o funil de vendas, não capturar custos. Isso parece óbvio, mas ainda existem alguns gerentes que não baseiam suas ações no objetivo final - isso é um erro grave.

Os indicadores são importantes porque fornecem dados concretos, em vez de se basearem em suposições. Esses indicadores são previsíveis e, portanto, contribuem para o crescimento sustentável.

Portanto, mesmo que os gestores não estejam dispostos a divulgar os números, informar todos os funcionários dos indicadores de desempenho mais importantes da empresa é garantir uma melhor colaboração entre as várias áreas para atingir as metas relacionadas a esses indicadores.

Os KPIs são essenciais porque permitem um diagnóstico da empresa para melhor se posicionar no mercado, que é dinâmico e traz sempre novos desafios. Colocá-los na mira é importante para comparar o processo e, então, compreender as expectativas dos resultados.

Afinal, ao focar em determinados pontos do horizonte, é mais fácil não se perder no caminho.

Como utilizar o Inbound Marketing para otimizar métricas

Como vimos, todas as áreas da empresa devem se concentrar na melhoria dos KPIs de negócios. Por sua vez, o inbound marketing desempenha um papel fundamental nesse processo, pois interfere diretamente em diversos indicadores de desempenho.

Ao usar a análise de resultados e a entrega de dados como características, essa estratégia atende às necessidades de mensuração inerentes às empresas que desejam se expandir.

Nesta metodologia, todo processo pode e deve, se estruturar de acordo com a realidade e objetivos da organização. A partir dos indicadores que deseja melhorar, a empresa escolhe as ações que pode realizar para alcançar os resultados.

No inbound marketing, o foco não é obter curtidas e compartilhamentos nas redes sociais, mas gerar clientes potenciais qualificados e oportunidades de vendas.

Além disso, apesar da necessidade de investimento, o método é muito mais barato em relação às atividades de marketing de saída e traz um retorno mensurável do investimento (ROI) - isso permite uma melhor orientação das estratégias para otimizar processos e reduzir Custo por Lead (CPL) e Custo de Aquisição do Cliente (CAC).

Com base na jornada de compra, os clientes passam por uma etapa educacional antes de chegar à venda, e o marketing de entrada também acelera o ciclo de vendas e aumenta a taxa de conversão no funil.

Para isso acontecer é necessário seguir alguns pontos, mas se você não sabe por onde começar, basta entrar em contato com a nossa equipe e conhecer nossas soluções.

Fale com um especialista

Leia também

Multi Warehouse Fulfillment Gerenciado: O que é?

Multi Warehouse Fulfillment Gerenciado: O que é?

Já ouviu falar da estratégia multi warehouse? Essa é uma das soluções para ter um Fulfillment gerenciado. Entenda como funciona o processo e como aplicar.

Acessar
Existe diferença entre marketplace e marketing digital?

Existe diferença entre marketplace e marketing digital?

Veja as diferenças entre marketplace e marketing digital. Duas modalidades ideais para qualquer negócio online ter sucesso no processo de vendas.

Acessar
Evite ruptura de estoque com soluções InfraLog

Evite ruptura de estoque com soluções InfraLog

Evitar a ruptura de estoque no seu negócio utilizando os serviços da InfraLog. A solução Infracommerce que disponibiliza a gestão completa do seu estoque!

Acessar

Explore todos os assuntos do Blog

Revolucione sua
Customer Experience!


Descubra qual solução Infracommerce é a ideal para o sucesso do seu negócio.

Preencha o formulário abaixo que nossa equipe
entrará em contato para mais informações








Obrigado! Seu contato foi enviado com sucesso!
Oops! Algo deu errado, tente novamente.